Ansiedade: O que é e como Vencer?

Como Vencer a Ansiedade? A Ansiedade é uma das patologias da mente mais comuns nos dias de hoje, podendo ser somada a Depressão.

0
302
Ansiedade

Ansiedade é a doença mental mais comum no munto. Aproximadamente 30% dos seres humanos estão predestinados a serem debilitados pela ansiedade.

Vamos imaginar no mundo animal. Um cachorro não sofre de ansiedade assim como a conhecemos. Para ele, ansiedade se baseia em observar um gato, ou outro animal e ficar em estado de alerta. A amígdala do cachorro, o centro emocional do cérebro, identifica o gato como uma caça. Isso provoca uma descarga de adrenalina no corpo do animal, ativando seu estado de vigilância, preparando organismo para o estado de “luta ou fuga”.

Coração dispara, a respiração acelera, mais sangue chega aos seus músculos os deixando prontos para a ação. Pupilas se dilatam para que ele possa observar melhor a cena e sua visão periférica se estreita para focar somente no gato que está à frente. Outros sistemas são desativados, como o aparelho digestivo deixando somente as funções ligadas a sobrevivência funcionando.

A ansiedade sempre nos ajudou nos primórdios na questão da caça ou para ficarmos atentos aos perigos ao nosso redor.

Mas não somos cachorros. Temos outras preocupações.

Nossas preocupações do dia-a-dia podem disparar a mesma reação que a do o cachorro quando viu o gato. São nossas contas, faculdade para pagar, um chefe chato, tarefa do trabalho. Porém, antecipamos muito destas preocupações:

  • A não, faltam 5 dias para vencer o aluguel;
  • Vou sair e pegar um trânsito horrível e me atrasar;
  • Mais uma vez vou para o mesmo trabalho que odeio.

Leia Também
Linguagem Corporal – Poses de Poder
Coach ou Psicólogo: Quem Poderá me Ajudar?
Coaching Cura Depressão?

Todos os dias ficamos com medo, angústia e ansiedade. E o nosso corpo reage a estes medos e angústias ativando seu mecanismo de “luta ou fuga”, mandando energia para os músculos das pernas para fugir.

Se pararmos para pensar, todos estes sintomas descritos são características do stress. Dor de barriga, boca seca, falta de vontade de fazer sexo, coração e respiração acelerados.

Nossas amígdalas são sensíveis, interpretam como ameaça inúmeras situações gerando uma reação em cadeia da adrenalina.

A ansiedade também pode ser ligada a problemas hormonais em nosso cérebro. Como deficiência de serotonina. existe uma teoria de que pessoas com ansiedade possuem uma carência de serotonina, a mesma carência que alguns alegam ser a causa da depressão. (JAMA Psychiatry, 2017)

Outra causa da ansiedade pode ser a experiências que geram fobias futuras. Segundo Watson, um dos pais do Behavorismo, “os seres humanos são determinados somente pelo seu ambiente”. Para comprovar isto, ele vez a chamada “experiência do Pequeno Albert”, onde ele condicionou um medo que antes não existia em uma criança pequena. Dando sustos e fazendo ruídos altos toda a vez que um coelho ou um animal inofensivo chegava perto de Albert.

Isto gerou um novo comportamento na criança, fazendo com que ela tivesse fobia de algo que não tinha até então.

Estas fobias são geradas o tempo todo, como medo de água, chuva, escuro, multidões. Fazendo om que pessoas evitem contato com estes elementos, privando-os de experiências e gerando interferências em suas vidas pessoais e em suas carreiras.

Redes Sociais e a Ansiedade

Pesquisas apontam que o uso das redes sociais aumenta as chances de uma pessoa ter ansiedade e depressão. Todas aquelas imagens maravilhosas que vemos nos feeds ao serem vistas por pessoas vulneráveis, podem sentir muitos dos sintomas por pegar muito de sua atenção, transportando sua mente e vontades para outro local, e não para o momento presente.

Adolescentes que passam em média mais de 7 horas por dia nas redes sociais, tem 20% mais relatos de ansiedade. E pessoas que passam mais tempo nas Redes Sociais tendem a sentir-se mais isolados, o que pode piorar um estado depressivo ou de ansiedade.  Preventive Medicine Reports, 2019, USA

Como Combater a Ansiedade?

Exercícios

Uma das melhores formas de combater a ansiedade é através de exercícios físicos. Se o seu corpo é programado para a ação por meio da reação de “luta ou fuga”, ele procura por uma forma de fechar esse ciclo. Corrida, academia, caminhada podem ajudar em muitos casos.

Remédios

Existem dezenas de remédios contra ansiedade no mercado. Para saber qual e como tomar, procure um médico de sua confiança.

Terapia

A terapia continua sendo um dos melhores, se não o melhor tratamento contra ansiedade. Existe uma linha da psicologia chamada Terapia Cognitivo Comportamental (TCC) que procura às origens da ansiedade em seus comportamentos, pensamentos e, através de ações desempenha um papel gigante na melhora dos pacientes. Terapia acompanhada de medicação controlada (devidamente receitada pelo médico) mostrou-se ser o melhor tratamento contra a ansiedade.

Terapia de Mindfulness

Na verdade não seira bem uma terapia, mas sim uma experiência prolongada de meditação, todos os dias por algumas semanas. É comprovado que pessoas com o quadro de ansiedade que incorporaram a Mindfulness ao seu cotidiano, apresentaram mais de 76% de melhora.

Grupo de Apoio

Um grupo de amigos ou familiares que te apoiem sempre que você estiver com crises de ansiedade ou depressão também se mostrou como um dos melhores tratamentos.

O Coaching pode curar a Ansiedade?

Definitivamente, não. Ansiedade é um quadro psicológico e precisa da ajuda de um psicólogo ou um psiquiatra. Porém, se as origens de sua ansiedade são por causa do trabalho, carreira, como conseguir sua promoção, como melhorar no trabalho o profissional de coaching pode ser uma ferramenta auxiliar em todo o seu processo.

Coaching em Porto Alegre Carlos Almada

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here